TRATAMENTO PSICANALÍTICO: CURA DESDE AS FOLHAS ATÉ AS RAÍZES

O tratamento psicanalítico, quando bem dirigido, pode proporcionar ao ser humano cura profunda. Muitas pessoas têm receios de si submeterem ao tratamento psicanalítico por o acharem invasivo e constrangedor. 

O que as pessoas, algumas vezes, não compreendem é que o psicanalista é um profissional formado para lidar com as múltiplas situações de comportamentos, de posturas e de pensamentos. O próprio psicanalista, em seu processo formativo, passa por um autoconhecimento bem aprofundado e esse processo formativo já o deixa em uma postura de profunda humildade. Por isso não pense que suas experiências, suas dores e tudo mais que você passou ou está passando vai ser surpresa para o terapeuta psicanalista.

Muitas vezes para conseguirmos algo temos que abrir mão de alguma coisa, não é verdade? No tratamento psicanalítico para alcançarmos curas profundas, muitas vezes, temos que abrir mão de nossa postura arcaica, ou seja, do medo de expor nossas intimidades, pois, muitas vezes, estamos presos à imagem fictícia do que o outro pensa ou irá pensar de nós. Mas é importante dizer que o método da Associação Livre, tão utilizada pelo psicanalista, é algo que acontece de modo tão espontâneo que o paciente, muitas vezes, não sente o peso do constrangimento oriundo do preconceito “cultural”.

 Muitas abordagens psicológicas têm como área de atuação a parte mais aparente humana, o consciente. Essas abordagens têm sua importância e são adequados em muitas situações, entretanto para alcançar a cura mais profunda de traumas, fobias, depressões, desordens e comportamento não muito explicáveis, é necessário, muitas vezes, o acompanhamento de um analista psicanalista, pois este lida com a área da psique humana não muito entendida: o inconsciente.

O inconsciente, na dimensão psicanalítica, não é o que muitos pensam, pois as pessoas concebem o inconsciente apenas como algo contrário do termo consciente, como o estado mental fora da consciência. Mas, dentro do conhecimento psicanalítico, o inconsciente funciona como se fosse um espaço da mente humana, em que seus conteúdos não são facilmente conhecidos pelo ser humano, podendo ser alcançado somente pelas interpretações de símbolos enigmáticos, que são emergidos (trazidos à superfície) em formas de sonhos, atos falhos, pensamentos não direcionados, como que alguém que sonha acordado ou coisa semelhante. Descodificar tais símbolos é quase impossível fora da análise psicanalítica. Então podemos compreender que a psicanálise trata e auxilia o ser humano desde coisas mais superficiais às cosias mais profundas.

Muitas pessoas querem dar para determinadas sintomas neuróticos, confusões mentais, sentimentos esquisitos e pensamentos perturbadores, motivos lógicos ou, algumas vezes, pensam que eles são inteiramente ilógicos, entretanto essas duas visões feitas de modo superficial e aleatório são erros grosseiros.

A terapia psicanalítica ou a análise psicanalítica, pode trazer respostas e resoluções de conflitos de um modo surpreendente. O grande perigo de tratamentos rápidos e superficiais, ofertados em promessas enganosas feitas por alguns terapeutas, é do sintoma voltar e, muitas vezes, ele pode retornar de modo mais grave. Sabemos que os terapeutas têm, em grande maioria, um comportamento ético e não darão ao paciente aquilo que não é capaz de lhe proporcionar melhor qualidade de vida.

Não devemos buscar auxílios terapêuticos somente quando não há outra saída, mas devemos buscar sempre conhecer um pouco mais de nós próprios, e a psicanálise é um caminho profundo de autoconhecimento e de cura interior. Os direcionamentos de um terapeuta psicanalista, muitas vezes, poderão fazer uma grande diferença em sua vida, acredite.

Por: Edson Carlos de Sena – Psicanalista

Faça o primeiro comentário a "TRATAMENTO PSICANALÍTICO: CURA DESDE AS FOLHAS ATÉ AS RAÍZES"

Comentar

O seu endereço de email não será publicado.


*


Follow by Email
Facebook
PINTEREST